O importante é chegar

Quando eu morava em Belo Horizonte, enxergava bem seus defeitos, mas achava muito chato ouvir terceiros falando deles. “Ai, BH é tão pequena, tão roça grande, tão ovo”. Minha resposta sempre era: “faz assim: muda”.

Mas acabou que fui eu que mudei. Não por não gostar de lá, mas por querer ter essa experiência. Foi e está sendo complicado, uma estrada recheada de problemas antes inexistentes, mas também de alegrias grandes e vistas incríveis.

“Ai, mas São Paulo é tão grande, tão poluída, tão suja”. E eu: “faz assim: muda”!

Se você também gosta da cidade que mora, sabe que a sensação é bem comparável a um namorado: só você pode falar mal. Em público, ele pode até não ser a pessoa que seus amigos esperam, mas ele é fofo com você no privado, te trata como você quer, te dá o que você precisa. Tinha essa sensação com BH e tenho a mesma aqui. E não me vejo morando em nenhum outro lugar do Brasil que não essas cidades, pelo menos por enquanto.

Mudar assim é um desafio legal: dói deixar certas pessoas e hábitos pra trás, mas compensa. Desde que mudei pra cá, por exemplo, minha relação com minha família mudou ainda mais. Alguns colegas de BH viraram grandes amigos que passei a amar e admirar ainda mais e alguns grandes amigos, sei lá, não fizeram nenhuma tentativa de manter contato.

E por outro lado, o de cá, só vivi novidades, conheci muitos lugares e muitas pessoas. Mudei completamente de cabeça sobre os conceitos de trabalho, amizade, amor, saúde e descanso. Essa cidade fez isso comigo brilhantemente. Mesmo morando aqui, achei foi fácil não cair em certas mentiras que criam sobre a cidade e que muita gente daqui mesmo acredita; se esquivar dessas ciladas é saboroso se, assim como eu, você tenta ver poesia nas coisas mundanas.

Se todo os perrengues da vida são, na verdade, bons (pois te ensinam algo e te ajudam a ir pra frente), vejo com certa alegria os perrengues que passei aqui – e só eu sei quantos foram e são. Eles, somados aos inúmeros prazeres e sorrisos, me fazem dizer que, do meu primeiro ano aqui, só trago bons resultados.

Fico realmente triste de ver gente xingando por xingar esse lugar; parecem não ver a oportunidade de crescimento pessoal e cultural que têm na mão. Ter uma visão limitada sobre uma cidade (na verdade, sobre qualquer coisa) não te faz sair do lugar.

Vi um dia um stêncil num muro onde lia-se que “a vida é muito curta pra morar em São Paulo”. Não podia discordar mais: a vida é sim muito curta pra morar onde não se quer – e pra reclamar de onde se está. Faz assim: muda. De cabeça ou de cidade, mas muda. Não fique parado num lugar que te traz desgosto, você vira parte do problema assim – e não da solução.

A vida é curta pra reclamar de São Paulo. Mas é como diz José Domingos, em sua linda “São Paulo Fim do Dia”: quem não viu, não acredita.

Gente buscando casa
Gente buscando gente
Gente buscando nada
Vejo cinco continentes
Pisando a mesma calçada

(…)

São Paulo dos doutores
São Paulo dos marginais
São Paulo dos feirantes, dos intelectuais

(…)

Cada um vai do jeito que pode
Gente que vai de taxi, ônibus, lotação
Gente que vai à pé, batendo sola no chão
Não que se tenha vontade
Coisas da necessidade
De que ficou sem nenhum
Nem mesmo pra condução

Mas nada disso importa
O importante é chegar
Quando se tem na chegada
Um motivo pra sorrir
Triste é andar por andar
Ver tanta gente passar
E ter que continuar
Sem saber pra onde ir

2f27e116a6ea11e2b1d222000a1fb859_7 5c27e6167c9c11e29ad022000a1f9a79_7 7f096796344811e2a03a22000a1fbd56_7 47bfafe05da411e2bd9a22000a9f14ba_7 412e9396aa0f11e28d8c22000a1f9ad6_7 377260_10151383364343242_280875622_n 390878_10151353006643242_1525258894_n 550449_10151410818378242_878320772_n ee664f14907d11e2952822000a1f9695_7 f2e58e3c159f11e2afba123138140fd7_7 sp1

Anúncios

3 comentários em “O importante é chegar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s